sábado, 26 de setembro de 2020

Saúde

Dia Nacional de Combate ao Colesterol

A importância do acompanhamento médico e de hábitos saudáveis

06/08/2020 às 11:04:55 | Por: máquinacohn&wolfe

Dia Nacional de Combate ao Colesterol

Dia Nacional de Combate ao Colesterol (máquinacohn&wolfe)

Assim como a obesidade, o diabetes e a hipertensão arterial, índices elevados de colesterol na corrente sanguínea são fatores de risco para doenças cardiovasculares – incluindo infarto e acidente vascular cerebral.


Um artigo publicado no mês de junho pela Revista Nature faz um reposicionamento global do epicentro de colesterol ruim. No trabalho, assinado por mais de 400 pesquisadores do mundo, foram levantados mais de 1.000 estudos, relatando medições de colesterol em cerca de 100 milhões de pessoas.


Segundo o artigo, historicamente esta gordura sempre se fez mais presente em países ricos. Entretanto, dietas e hábitos comportamentais tem sido fatores determinantes para mudar este quadro e tornar o colesterol frequente em localidades mais pobres.


De acordo com um levantamento feito pelo HCor, durante a pandemia, no intervalo entre abril e junho, os cuidados com a saúde tiveram uma queda brusca. O hospital observou redução de cerca de 70% no número de atendimentos para consultas e exames de rotina. Concomitantemente, o número de entradas pelo pronto-socorro de pacientes críticos (com pelo menos uma passagem pela UTI durante a internação) subiu 27,8%.


Neste sábado, 8 de agosto, é comemorado o Dia Nacional de Combate ao Colesterol, e o corpo clínico do HCor reforça a importância da rotina de acompanhamentos médicos e adoção de hábitos saudáveis.