sexta, 17 de setembro de 2021

Geral

Cinco cirurgias plásticas discretas que muita gente faz e não dá para notar

Com rápida recuperação, há procedimentos feitos em menos de uma hora

08/09/2021 às 08:25:03 | Por: Assessoria de Imprensa Estilo Press

Cinco cirurgias plásticas discretas que muita gente faz e não dá para notar

Cirurgia Plástica (Divulgação)

Quando o assunto é cirurgia plástica, o que logo vem à cabeça são as mudanças perceptíveis no corpo e na face, como colocar silicone, fazer uma lipoaspiração ou rinoplastia, cirurgia que serve para modelar o nariz. Mas, além desses procedimentos, que são até os mais procurados no país, Arnaldo Korn, diretor do Centro Nacional - Cirurgia Plástica, listou mais cinco cirurgias simples, que muita gente faz e que praticamente não dá para perceber.


Na sobrancelha
Pode não parecer, mas para ocultar os sinais de envelhecimento, muitas pessoas fazem a cirurgia plástica de levantamento de sobrancelhas, o que elimina do rosto um olhar caído e semblante triste. Com anestesia local e sedação, a cirurgia exige apenas cinco horas de internação e o procedimento dura apenas uma hora. O tempo de recuperação também é rápido, em aproximadamente quatro dias, o paciente já está de alta.


Na panturrilha
Quem acha que tem as pernas finas e quer deixá-las mais grossas geralmente recorre à musculação, mas, além do treino, tem ainda quem acaba optando pela prótese na panturrilha, que serve também a quem tem alguma anomalia causada por acidente ou genética. O procedimento conta com anestesia peridural geralmente, e o tempo de cirurgia é de aproximadamente duas horas, com internação de apenas um dia e recuperação em menos de uma semana.


Nas coxas
No caso de alternar ganho e perda de peso, é comum que as coxas fiquem mais flácidas e cause até abaulamento na região femoral (na raiz da coxa), o que acontece devido ao excesso de pele. Ao mesmo tempo que muitas pessoas recorrem à dieta e treinos, para conquistar o resultado esperado, elas também contam com a opção do dermolipectomia de coxas, que visa retirar o excesso de pele, proporcionando um contorno da coxa mais natural e menos flácido.
Esse procedimento é um pouco mais demorado e o resultado definitivo só vai aparecer depois de uns seis meses do pós-operatório.


No rosto
Quem tem aquele rosto lisinho com certa idade já imagina à primeira vista que é resultado de botox. Claro que há inúmeros cuidados com a pele como uso de protetor solar e até a alimentação contribuem para um aspecto mais jovial. Mas há um procedimento cirúrgico também que visa diminuir a flacidez e rugas do rosto e pescoço. A ritidoplastia ou minilifiting não elimina tudo, mas suaviza bem as marcas de expressão.


Nesse procedimento, a anestesia é determinada pelo cirurgião, mas a cirurgia pode levar até quatro horas para ser feita, tempo um pouco mais longo que as outras, assim como o período de recuperação.


Cirurgia sem cortes
Por último, a bioplastia é um procedimento rápido e simples. É injetada sob a pele uma substância de última geração chamada PMMA que faz o preenchimento dos espaços onde é injetada. Esse procedimento serve para fazer retoques no rosto, aumentar a proporção dos lábios, mandíbula e queixo, por exemplo. O procedimento dura aproximadamente 30 minutos e a recuperação é imediata.


Segundo Arnaldo Korn, um dos fatores que contribuem para o aumento de opções de procedimentos no país, junto da alta procura, é a maior flexibilidade de pagamento. Hoje, é possível parcelar a remuneração em locais como o Centro Nacional — Cirurgia Plástica, que funciona como uma assessoria administrativa, oferecendo crédito com condições especiais de pagamento: "O objetivo é oferecer ao paciente contrato de prestação de serviços, notas fiscais, tabelas diferenciadas para a realização de exames pré-operatórios e agilizar o processo de internação hospitalar", explica Arnaldo Korn.